terça-feira, 5 de maio de 2009

Alergia

Resumidamente, passa-se o seguinte:

  • Passámos quatro dias a comer morangos na tentativa de compensar toda a abstinência que invade a minha vida social, conjugal, sentimental e outras coisas acabadas em "al" como "etc. e tal";
  • Ao fim do quarto dia de ingestão gulosa do tal fruto, começámos a ouvir uma pequenina voz: "se calhar é melhor não abusarmos, não vá o fruto agoniar o nosso sistema imunitário e reagir como se os moranguitos fossem potencialmente perigosos.
  • Domingo à noite é oficial. O mastócito está mal-disposto. É a invasão histamínica e inicia-se a viagem ao maravilhoso mundo da comichão indescritível all over this goergeous old body...
Enquanto me lembrar, nunca mais como morangos... (enquanto me lembrar)...

6 disseram à tia:

Luísa disse...
05 maio, 2009 10:18  

Oh Tia,

Isso é que foi um tal de comer morangos amiga!!!

Poxa eu aprendi que há que ter prudência qdo ingerimos doses de mnorangos além da conta!

As melhoras ao prurido!

Luisa

Merchi disse...
05 maio, 2009 11:43  

... eu adoro MORANGO ... estou farto de comer e, aparentemente, ainda vou a tempo de parar antes de ser invadido por comichão.

Obrigado pelo aviso ;-)

Pedro Espírito Santo disse...
05 maio, 2009 11:46  

Então quando vamos dar um abanão a essa vida social e vens conhecer a minha casa nova? Ok, ok, se calhar tenho de ser eu a dar uma data, que depois de dia 19 de de Maio? É que aqui o "je" está fora até lá.

Que me diz querida tia?

Aragana disse...
05 maio, 2009 13:17  

Realmente oh Tia... 4 dias é dose!

Myosotis disse...
05 maio, 2009 18:08  

Ahaha :D Adorei este blog!!
Se bem que a Tia Cremilde com a sua experiência de vida já devia saber a consequência histamínica de comer tal dose de morangos :P

MMM. disse...
07 maio, 2009 09:52  

Gostei do "rtc. e tal"! ;)

Enviar um comentário